Dicas para enfrentar QUALQUER CENA de Teatro Cristão

Sabia que existem elementos comuns em todas as peças? Sabemos por exemplo que toda peça precisa de um conflito para o desenrolar dela. Aqui você encontrará dicas para enfrentar qualquer cena.

São itens que iluminarão seu entendimento, facilitando assim sua interpretação.

Pontuação

A primeira coisa a se observar quando você está olhando para uma cena é a pontuação. Pontuação é o escritor que se comunica com você, o ator, ao longo dos séculos.

Por meio da pontuação, você pode ver o estado mental de um personagem, seu estado emocional e sua abordagem geral da vida.

Um personagem que tem muitos pontos finais pensa em frases curtas e nítidas. Eles tendem a ser diretos e vigorosos e utilizar sua racionalidade como um centro primário.

Um personagem com muitas vírgulas, frases longas e grandes, mal está respirando, está emocionalmente conectado ou no meio de uma memória ou momento emocional.

Claro, esta não é uma regra geral, mas fornece um ponto de partida. Os dramaturgos incluem com cada vírgula, cada pedaço de pontuação  por uma razão, e é seu trabalho como ator honrar isso e também descobrir por que aquela pontuação está sendo usada naquele local.

Claro que existem casos onde as pontuações não são cumpridas para não ficar um texto lido e sim interpretativo, mas essa atenção é importante.

Faça anotações sobre isso em seu texto, as pausas curtas, pausas longas… Certifique-se de fazer a pergunta sempre que for uma pergunta. 

Objetivo

Cada personagem, em cada cena, em cada momento de cada roteiro quer algo. Eles têm um motivo pelo qual estão no palco e dizendo qualquer diálogo que estejam dizendo.

Seu personagem tem um objetivo, algo que ele está implacavelmente tentando perseguir para conseguir o que quer, não há nenhuma parte entediante de apenas relaxar por causa disso.

Interrogue cada linha que seu personagem diz – por que eles estão dizendo isso? Por que essas palavras especificamente de todas as palavras do dicionário, nessa ordem?

Não há caos ou coincidência nas palavras dos escritores. O personagem os está dizendo por um motivo, para servir ao seu objetivo.

Como dica, você pode escrever seus objetivos de cena assim:
Eu quero ________ porque preciso de ____________.

Os desejos são impulsionados pelas necessidades dos personagens. Por exemplo.

Uma observação importante, certifique-se de que seu objetivo seja algo que você possa atingir naquela cena.

Se for algo etéreo, você não conseguirá colocar em cena e, portanto, seu personagem se sentirá apático no mar da performance.

Batida

Agora ouça, as batidas podem ser confusas. Cada ator tem uma interpretação ligeiramente diferente do que é uma batida e de onde começam e terminam, milhões de maneiras de marcá-las etc.

As batidas denotam uma construção de energia, até uma mudança na energia. O que isso significa é que a batida continua até que alguém saia ou entre ou a conversa pare ou mude.

Use as batidas para criar tensão narrativa e aumentar os riscos da linha transversal da cena. 

Clímax

Cada cena conta uma história, cada uma delas. Uma cena faz parte da grande história do roteiro com certeza, mas toda cena tem um começo, um meio e um fim.

De um modo geral, a maioria está de acordo com o esboço da história. Você pode usar suas batidas para descobrir qual é a linha da narrativa de sua cena? Qual é o clímax disso? O ponto mais importante da sua cena, onde as informações mais vitais são reveladas?

Certifique-se de que a energia de sua cena se acumule até aquele momento. Assim, o público pode sentir uma liberação catártica quando esse momento chegar.

Nem todas as cenas são extremamente altas, eu entendo, mas cada cena tem um clímax, seja grande ou pequeno, é seu trabalho como ator encontrá-lo e fazê-lo brilhar.

Subtexto

O que realmente está acontecendo nesta cena? O que os personagens dizem é realmente o que queriam dizer?

O subtexto é absolutamente fundamental para entender o que está acontecendo em sua cena.

Pode levar algumas leituras dele, alguma investigação das motivações dos personagens e uma aplicação completa das batidas antes de você realmente descobrir o que está acontecendo aqui.

Como se…

O que meu personagem quer do outro personagem? Responda literalmente “Eu quero que eles tirem o dinheiro do caixa, etc.”

Qual é a ação essencial da cena? Para derrubá-los de seu cavalo alto, trazê-los de volta à terra, fazê-los ver que tudo vai ficar bem, etc.

Crie um como se – invente uma situação usando pessoas reais que você conhece, que não aconteceu.

Use o cenário imaginado como uma improvisação e então acesse o diálogo no topo da cena.

Esta técnica pode levá-lo rapidamente a algum lugar próximo ao coração emocional da cena.

Particularmente o último ponto, se você fizer um “como se” realista usando um cenário imaginado, com pessoas reais de sua vida pessoal, você ficará surpreso com a rapidez com que pode se encontrar vivendo a verdade emocional da cena.

Você pode descobrir que essas técnicas na verdade não funcionam para você, isso é totalmente normal!

Existe mais de uma maneira de conseguir isso. Temos uma variedade enorme de recursos de atuação no nosso curso, assim como aqui no blog, onde você pode experimentar algumas dessas ideias a cada mês!

E se por um acaso você encontrou algo aqui que ressoou com você, por que não compartilhar com seus amigos?

Fonte: Escola Juliana Leite

Facebook Comments Box