TEATRO CRISTÃO – A importância dos ENSAIOS

TEATRO CRISTÃO - A importância dos ENSAIOS

TEATRO CRISTÃO – A importância dos ENSAIOS

Opa! Tudo bem? Quero falar com você sobre a importância do ensaio para quem tem um grupo de Teatro Cristão. É algo que muita gente acha que não faz diferença, que só precisar ensaiar quando tem alguma peça para apresentar, que só ensaia quem está escalado para aquela determinada peça, e os outros integrantes ficam em casa assistindo série ou jogando vídeo game. Não é bem assim. Portanto, se liga nessas dicas que preparei pra você.

Dia fixo de ensaio

Teatro Evangélico não é brincadeira. Se, por acaso, você tem um grupo de teatro e acha que ensaiar de vez em quando ou ensaiar só quando tem peça marcada é o suficiente, estou aqui para te falar uma verdade. Você (ou o seu grupo) não vai para lugar nenhum. Consequentemente, vai acabar. E não é isso que queremos, né? Desejamos é crescer!

É preciso dedicação e compromisso para tornar um grupo profissional. Se queremos sair do amadorismo, já temos que começar por aqui. Ou seja, procurar a excelência acima de tudo. A primeira dica que dou é: tenham um dia fixo de ensaio. Pode ser à noite, sábado pela manhã ou à tarde, domingo pela manhã… não importa o horário, contato que tenham, pelo menos, duas horas de ensaio durante um dia fixo por semana. Em outras palavras, o seu grupo de Teatro Gospel precisa se profissionalizar e alcançar voos mais altos.

Todo o grupo tem que ensaiar

Acertado o dia de ensaio, todos os componentes do grupo tem que estar presente no ensaio. Atores, figurinistas, sonoplasta, maquiadores, diretores, autores etc. Todo mundo faz parte do grupo. Temos que deixar essa mania de só ir pro ensaio quem for apresentar a peça. E os outros? Ficam fazendo o quê em casa? Tem que ir também.

São nos ensaios que nos conhecemos, que criamos entrosamento, intimidade. São nos ensaios que o grupo de Teatro Cristão cresce, cria, inova. Caso aconteça um imprevisto durante o espetáculo ao vivo e precise rolar um improviso, os ensaios serviram para os integrantes estarem afiados e se sentirem seguros para fazer o melhor e continuar com a peça.

E como fazemos isso? Primeiro de tudo, orem juntos antes do ensaio. Logo em seguida, podem usar os primeiros 30, 40 minutos para dinâmicas, estudos, exercícios onde todos possam participar ensinando e aprendendo. Depois, ficam os que estão escalados para a peça e os demais podem escolher ir embora ou ficar para assistir o ensaio e colaborar com algo mais. Detalhe: Só aceite ficar quem for ajudar, para atrapalhar já tem gente demais. Conversas paralelas é algo inaceitável.

Fechem o grupo

O que eu quero dizer com isso?! Vamos lá! Sabe outra coisa que atrapalha o seu grupo de crescer profissionalmente? É que você não tem um grupo de Teatro Evangélico. Resumindo: será só um amontoado de pessoas aleatórias. Enquanto você trabalhar com várias pessoas de todas as áreas, o seu grupo não vai muito longe. Consequentemente, não crescerá. Por isso, você deve escolher as pessoas certas e trabalhar apenas com elas.

Powered by Rock Convert

Uma pessoa pode fazer parte de vários grupos. Não tem problema nenhum nisso. Grupo de dança, de música, de teatro. Mas desde que ela consiga administrar o tempo e os ensaios ou as apresentações não comprometam o outro grupo. Mas, se puder, escolha apenas pessoas que gostem e queiram fazer teatro. Uma hora ou outra essa pessoa atarefada terá que escolher onde ela quer ficar. Ou seja, prioridades.

Faça uma seleção, um audição de atores e escolha apenas aqueles que tenham compromisso com o Teatro Cristão e queiram aprender e ensinar. Não importa a quantidade de pessoas, não importa se tem mais homem ou mais mulher, foque na qualidade. Eu já tive um grupo com apenas 5 pessoas e ficamos por mais de 6 anos fazendo peça na nossa igreja local e viajando para várias cidades do Ceará. Foi um tempo maravilhoso.

Divida as tarefas

Depois de escolher os dias certos de ensaios, o horário específico, depois de ter feito a audição e escolhido as pessoas, é hora de deixar definido as tarefas de cada um.

Eu já comentei sobre a importância de escolher as pessoas certas para cada função, até porque tem gente que não quer atuar, mas gosta de ajudar nos bastidores. Mas, no entanto, nem todos os grupos têm essa capacidade e/ou quantidade de gente. Então, definir uma ou mais funções para os integrantes pode ajudar na hora da montagem e divisão e responsabilidades do espetáculo.

Uma mesma pessoa pode ser ator num espetáculo, mas ficar nos bastidores cuidando dos figurinos no outro. Uma atriz pode ser a protagonista de um espetáculo e ficar na sonoplastia em outro. Ou seja, uma mão lava a outra e todos ensinam e aprendem. Teatro Cristão é, acima de tudo, união.

Em conclusão, lembre-se dessas dicas e coloque-as em prática. O crescimento do seu grupo só depende de você. Tenha foco e mantenha a dedicação.

I

Facebook Comments